Agende uma Demo >

O Maior Hub de RH do Brasil | Taqe

Nova call to action

11 elementos que as empresas devem considerar para a integração de novos funcionários

Renan Macrini

As empresas tendem a desenvolver mentalidades tradicionalistas quando se trata de seus sistemas. Não é surpreendente ouvir as pessoas dizerem que a razão pela qual fazem as coisas é porque é assim que as coisas sempre foram feitas. Mas, muitas vezes, aderir ao pensamento tradicionalista pode impactar negativamente uma empresa.

 

Um exemplo perfeito disso é quando o processo de integração de novos funcionários de uma empresa está desatualizado. O resultado é um funcionário que não tem certeza de qual é o seu papel e o que deve fazer na empresa.

 

Para ajudar as empresas que precisam renovar seus processos de integração, 11 colaboradores do Conselho de Recursos Humanos da Forbes oferecem sugestões sobre o que as empresas devem fazer ao implementar o novo sistema.

 

1. Almeje uma força de trabalho diversificada

 

A maioria dos executivos não têm conhecimento da regra dos 4/5 das taxas de seleção, que é relacionado ao impacto e efeitos efeitos discriminatórios em um grupo protegido. As empresas precisam considerar essa regra para garantir que os processos de recrutamento e seleção estejam capturando uma população diversificada. Isso requer maturidade em nome da equipe executiva para entender e apoiar uma força de trabalho diversificada e inclusiva. Ramifique! - Christine Wzorek, White Label Advisors

 

2. Reflita a cultura da sua organização

 

A integração é o oficial "bem-vindo à equipe". Ele deve se basear na marca de seu emprego e no processo de seleção e refletir a cultura cotidiana da sua organização. Certifique-se de que ele atinja o básico, como uma visita ao escritório, tecnologia e benefícios, mas não se esqueça de adicionar lanches, atividades ou fichas que tornem sua equipe exclusiva para você. Pode ser um tapete vermelho, cafés personalizados ou uma sessão de fotos profissionais. - Jennifer Marszalek

Nova call to action

3. Funcionários a bordo por meses, não dias

 

Seus novos contratados terão uma ideia se um emprego é adequado para eles desde o primeiro dia. Se eles se sentem ignorados ou mal preparados para começar a trabalhar após a primeira semana, a probabilidade de deixarem aumenta. Um processo de integração inclusivo, bem planejado e contínuo, que dura pelo menos seis meses, melhorará drasticamente essas estatísticas. - Cameron Bishop, SkillPath

4. Considere as necessidades de seus funcionários

 

O processo de integração geralmente é projetado com apenas objetivos de negócios do empregador em mente. Para ter sucesso, as empresas devem incorporar as novas necessidades dos funcionários. Como eles visualizam seus primeiros dias, semanas, meses? Quais são as preocupações deles? O que eles precisam para ter sucesso em sua nova equipe? Uma avaliação e inclusão contínuas no processo tornarão a experiência mais gratificante para ambas as partes. - Rachel Lyubovitzky, Everything Benefits

 

5. Priorize a nova experiência de contratação

 

A integração no passado era focada no empregado ter sorte de estar com a empresa. Hoje, os empregadores precisam parecer sortudos por ter o empregado. O RH deve priorizar a experiência do novo contratado e perguntar: "O que ajudaria alguém sem consciência de como trabalhamos a acelerar o mais rápido possível?" Nada impressiona mais os novos contratados do que um empregador que antecipou a maioria ou todas as suas necessidades. - Genine Wilson, Kelly Services

 

6. Foque nos decepcionados

 

Crie seu programa de acordo com os pontos levantados pelos colaboradores decepcionados para que você consiga fechar as pontas soltas do seu processo de integração. Não se preocupe com os satisfeitos, eles já estão felizes e continuarão felizes enquanto veem você ajudando aqueles que precisam! - Adam Mellor, ONE Gas, Inc.

 

7. Lembre-se de que um tamanho não serve para todos

 

Tanto a integração quanto a orientação devem evoluir regularmente à medida que a empresa cresce e muda. Pesquise com seus novos contratados para descobrir se eles aprenderam tudo o que precisavam durante sua orientação ou experiência de integração e busque informações e conselhos para melhorar as futuras contratações. Em seguida, ajuste ou reformule seu processo com base nos comentários deles. - Tracy Cote, Genesys

 

8. Comece a integrar assim que eles disserem “sim”

 

No nosso mercado competitivo de talentos, com candidatos que renegam ofertas ou "fantasmas" no primeiro dia, é importante começar a integrar assim que o candidato aceitar. Crie um portal no qual novas informações ou artigos interessantes sejam publicados, peça aos membros de sua nova equipe (e gerente) que liguem ou enviem e-mails para deixar o novo colaborador animado com a empresa e sua nova equipe. - Danielle Monaghan, Uber

 

9. Garanta o compromisso de toda a organização

 

O primeiro lugar para se olhar é o escopo do processo atual. O processo é centralizado em RH ou todos estão envolvidos, desde a alta gerência até os colegas do novo contratado? O processo inicia e pára nos primeiros 30 dias? Ou começa quando a oferta de emprego é aceita e continua nos primeiros seis meses? - Dan Fries, Sibson Consulting

 

10. Procure por novas ideias

 

Ao fazer uma alteração, procure todos os tipos de recursos para obter informações. Participe de aulas, leia artigos do setor e participe de seminários on-line para obter informações sobre novas tendências. Esteja aberto a novas ideias e pense fora da caixa para obter uma nova perspectiva. Além disso, entre em contato com outros profissionais do setor para ver o que pode funcionar para sua empresa. Isso permitirá que você avalie o programa atual efetivamente. - Debi Bliazis, Champions School of Real Estate

 

11. Comunique sua visão cedo

 

As empresas devem comunicar sua visão e valores imediatamente. Pesquisas mostram que trabalhadores de alto desempenho desejam trabalhar para empresas com valores claros que articulam como seu papel afetará positivamente a empresa. Priorizá-los durante a integração ajuda os novos contratados a absorver a cultura do local de trabalho, os torna mais confiantes em sua decisão de ingressar na organização e aumenta o engajamento. - Lisa Sterling, Ceridian

 

Fonte: www.forbes.com

Topics: Gestão de pessoas

Nova call to action

Conteúdo exclusivo sobre RH! Inscreva-se:

Últimos Posts