Agende uma Demo >

O Maior Hub de RH do Brasil | Taqe

Nova call to action

11 formas de como lidar com o absentismo excessivo dos funcionários

Marcelo Marcondes - Atração de Candidatos

Os trabalhadores também são pessoas e, como profissionais de RH, é essencial entender que os funcionários têm vidas fora dos negócios. Um horário flexível e uma folga são ótimas opções para qualquer membro da equipe que precise passar mais tempo com seus entes queridos, mas quando as ausências dos funcionários se tornam excessivas, isso pode afetar a produtividade e o moral da equipe.

Simplesmente castigar os funcionários que perdem o trabalho regularmente pode ter sido uma abordagem que funcionou no passado, mas o século XXI exige uma abordagem mais criativa e compreensiva ao lidar com esse problema. 

Para ajudar, 11 membros do Conselho de Recursos Humanos da Forbes compartilham suas ideias sobre como uma equipe de RH pode combater o problema do absenteísmo dos funcionários e por que esses métodos provavelmente funcionarão.

1. Desenvolva uma política de gerenciamento de ausências 

As empresas devem desenvolver uma política que defina o que significam ausências excessivas para suas operações. O número de faltas permitidas deve ser indicado, bem como o número de faltas que não serão toleradas. A política também deve conter ações disciplinares claras ou multas para os funcionários que violarem essa política. Isso deve ser aplicado de maneira consistente e objetiva para impedir ocorrências futuras. - Ochuko Dasimaka 

2. Implementar políticas flexíveis de trabalho 

Uma política de trabalho flexível não apenas afeta aspectos como o bem-estar dos funcionários, retém e atrai talentos de forma positiva, mas também pode afetar positivamente a participação dos funcionários. Com um horário de trabalho flexível, se um funcionário estiver atrasado ou tiver um compromisso pela manhã, ele poderá chegar sentindo-se confiante de que sua hora de chegada não terá impacto adverso no dia de trabalho. - Angela Persaud 

3. Crie uma cultura sólida de equipe 

Quando as pessoas têm uma mentalidade de equipe, elas não têm ausências excessivas porque sabem como isso afetará negativamente a equipe. Além disso, quando existe uma cultura de equipe e alguém realmente precisa de ausências excessivas por um bom motivo, a equipe está mais disposta a entender a folga e não interrompe as operações comerciais. - Lotus Buckner 

4. Dê aos funcionários um objetivo inspirador 

Começa com o básico de comunicar expectativas e documentar uma política de ausência. As pessoas trabalham por um salário, mas ninguém vive por dinheiro. Se queremos aumentar a participação, precisamos inspirá-los com um objetivo organizacional claro. Ao estabelecer e comunicar esse objetivo, os membros da equipe ficarão mais inspirados a aparecer e entregar um trabalho incrível regularmente. - Steve Lowisz 

5. Foco no envolvimento dos funcionários 

Os funcionários envolvidos estatisticamente perdem menos trabalho. Embora alguns usem licenças médicas remuneradas limitadas ou ofereçam incentivos para um atendimento perfeito, eles também podem influenciar negativamente os funcionários doentes a virem ao trabalho, colocando em risco outros. Aumentar o engajamento dos funcionários aprofunda a conexão emocional dos funcionários com seu trabalho e colegas de trabalho, fortalecendo sua motivação interna para estar significativamente presente no trabalho. - Courtney Pace, Ph.D. 

6. Instituir políticas de trabalho em casa

Crie uma política generosa de trabalhar em casa - muitas vezes, os empregadores tiram dias de doença por outros motivos que não a doença. Às vezes, eles cuidam de um ente querido, levam os membros da família ao médico ou outros motivos pessoais. Se seus funcionários sabem que podem trabalhar em casa em vez de “ficarem doentes”, você terá funcionários mais felizes e mais produtivos! - Yolanda Lau

7. Adote uma abordagem centrada no ser humano 

Geralmente, há uma questão mais profunda que contribui para o excesso de folga. Adote uma abordagem centrada no ser humano para tratar esses funcionários como indivíduos. Mostre cuidado e preocupação com as circunstâncias atenuantes que podem estar afetando o atendimento. Forneça recursos patrocinados pela empresa quando apropriado. Tratar os funcionários dessa maneira reforça o relacionamento que a empresa mantém com sua força de trabalho. - Jessica Delorenzo

8. Crie programas de voz do funcionário 

A implementação intencional de estratégias de voz de funcionário é uma das melhores maneiras de se envolver com sua força de trabalho e dar a eles a oportunidade de ouvir sua voz. Esses programas ajudam a entender o que realmente é a experiência dos funcionários da organização e faz com que os funcionários sintam que a voz deles é importante. - Cat Graham

9. Foco nos resultados, não no gerenciamento do tempo 

Utilize uma solução completa de terceirização de gerenciamento de ausência. Categorize ausências e identifique quais são "inaceitáveis". Lembre-se de que trabalhamos com seres humanos. Procure informações sobre o que deve ou não ser uma "ausência permitida". Ofereça mais tempo flexível se desejar uma presença consistente em determinadas reuniões.. - Zain Hasan 

10. Faça check-in regularmente com os membros da equipe 

Ausências excessivas que não estão relacionadas à saúde podem indicar baixa satisfação no trabalho ou desequilíbrio na casa e na vida profissional de um funcionário. De qualquer maneira, os empresários podem evitar ausências excessivas, organizando check-ins regulares para avaliar a satisfação e os níveis de estresse dos funcionários, além de fornecer políticas flexíveis de trabalho em casa para acomodar problemas familiares, quando necessário. - Laura Spawn 

11. Atenha-se aos acordos 

A cultura vive da maneira como as coisas são feitas (por exemplo, contratar pessoas, gerenciar o desempenho, recompensar pessoas etc.). O sucesso em equipe é um compromisso com as disciplinas certas. Entenda o que os impede de trabalhar pontualmente. Lembre-os dos acordos estabelecidos em sua carta de oferta e cumpra-os. O que mudou? Pergunte. Empatia e foco nos acordos. - Nicole Smartt Serres,

Convidamos você a ler o case de sucesso da Sequoia, empresa brasileira que reduziu o absenteísmo e o turnover investindo em Recrutamento e Seleção com o TAQE.

Fonte: Forbes.com

Topics: Recursos Humanos, Gestão de pessoas

Nova call to action

Conteúdo exclusivo sobre RH! Inscreva-se:

Últimos Posts