Agende uma Demo >

O Maior Hub de RH do Brasil | Taqe

Nova call to action

3 regras de engajamento para recrutamento

Leticia Moura

De várias maneiras, devemos nosso destino profissional aos recrutadores. Estamos à mercê deles quando se trata de nosso currículo receber uma segunda análise, se conseguirmos a entrevista ou se conseguirmos o emprego.

Corresponder indivíduos a posições não é uma tarefa fácil. Os recrutadores devem ter acesso ao talento certo, ser capazes de avaliar a adequação de um candidato e - aqui está a parte mais difícil - atender às expectativas de cada gerente de contratação para sua contratação mais recente.

É necessário um relacionamento sólido entre recrutadores e gerentes de contratação, mas isso nem sempre é fácil. Aqui estão três maneiras de construir o respeito mútuo e a confiança necessários para uma parceria de sucesso.

1. Defina as expectativas antecipadamente

Muitas vezes, os recrutadores e gerentes de contratação esperam que os problemas surjam em vez de estabelecer expectativas claras desde o início. Isso eliminará a necessidade de ter conversas mais difíceis no futuro. Antes de começar a primeira busca de candidato, os recrutadores e gerentes de contratação devem compartilhar suas preferências e expectativas para a parceria em algumas áreas diferentes.

  • Processo: Estabelecer um processo formal para coleta de informações, entrevistas e feedback ajudará a manter os recrutadores e gerentes de contratação na mesma página. Isso também impedirá que os dois lados definam expectativas irrealistas que podem inviabilizar a parceria.
  • Comunicação: os recrutadores e gerentes de contratação devem concordar sobre quando, como e com que frequência se comunicar. É preferível e-mail, telefone ou texto? O recrutador gosta de começar cedo ou o gerente de contratação não se importa com os e-mails noturnos? Definir limites aqui deixará todos felizes.
  • Métricas: Medir o sucesso da mesma forma permitirá que a parceria seja avaliada de forma justa e objetiva. Além de números concretos, as métricas qualitativas também são importantes. Os gerentes de contratação esperam que os recrutadores os aconselhem sobre coisas como salários ou requisitos de qualificação? Eles devem dizer isso e responsabilizar os recrutadores.

 

2. Faça perguntas em vez de fazer suposições

Embora esse também seja um ótimo conselho de vida, é uma prática poderosa no relacionamento entre recrutador e gerente de contratação. Este ato simples pode ajudar a manter a parceria respeitosa, positiva e intacta.

O recrutamento é uma maratona, não uma corrida. A cada contratação, os recrutadores e gerentes de contratação têm a oportunidade de desenvolver ainda mais seu relacionamento e estabelecer um ritmo que lhes permitirá ser parceiros de sucesso. As suposições podem rapidamente se transformar em problemas quando transferidas de um candidato para o próximo.

 3. Confie na experiência de cada um

Este é um grande problema. Infelizmente, todos nós tivemos experiências ruins e podemos inadvertidamente levar essa bagagem para novas parcerias de recrutamento. É perigoso presumir que uma experiência com cada recrutador ou gerente de contratação sempre será prejudicada pelos mesmos problemas.

Os recrutadores devem ser considerados e tratados como especialistas de confiança no mercado, clima de contratação, necessidades do talento e muito mais. Muitas vezes, os gerentes de contratação traçam um caminho a seguir sem pedir e levar em consideração os conselhos dos recrutadores. É uma situação em que todos perdem.

Da mesma forma, os gerentes de contratação são especialistas nas necessidades de sua equipe e cultura organizacional, e os recrutadores precisam dessa orientação para ter sucesso. Independentemente de quão excelente seja um candidato, ele deve ser adequado não apenas para sua função, mas também para a equipe e a empresa a que se junta.

Os recrutadores podem ter acesso aos melhores profissionais do mercado e às melhores e mais recentes ferramentas de tecnologia ao seu alcance, mas eles sempre serão tão bons quanto seu relacionamento com os gerentes de contratação. Ambos precisam lembrar que estão na mesma equipe e desejam a mesma coisa - uma contratação de sucesso. Essas dicas irão levá-los até lá.

Fonte: Forbes.com

Topics: Recrutamento e seleção

Nova call to action

Conteúdo exclusivo sobre RH! Inscreva-se:

Últimos Posts