Agende uma Demo >

O Maior Hub de RH do Brasil | Taqe

Nova call to action

9 benefícios de adotar o Big Data em recursos humanos

Renato Dias
Sigam me:

O big data tornou-se onipresente, encaixando-se em todas áreas do mundo dos negócios. Mas, isso já era o esperado já que o big data afeta grande parte das operações da empresa e pode oferecer uma visão tão profunda das áreas obscuras se tornando uma luz necessária.

Nos Recursos humanos não é diferente. Com uma implementação eficiente de big data, os departamentos de RH podem gerenciar melhor o talento sob sua responsabilidade. Abaixo, nove colaboradores do Conselho de Recursos Humanos da Forbes oferecem suas opiniões honestas sobre os benefícios que o big data pode oferecer aos departamentos de gerenciamento de recursos humanos.

1. Melhorar o planejamento estratégico da força de trabalho

O big data pode transformar os esforços de aquisição de talentos, mas as organizações devem analisar os resultados adequadamente. A visualização completa de todos os dados de RH fornece informações sobre como gerenciar o que se tornou um cenário de talentos descentralizado devido ao afluxo de funcionários com planos de trabalho alternativos (por exemplo, contratos, freelancers e funcionários de meio período). - Kim Pope, WilsonHCG

2. Reduzir de custos, retribuindo mais aos funcionários

Um dos maiores benefícios do big data em RH é a opção de usar o software para o gerenciamento diário de RH, em vez de contratar todo um departamento de RH. Existem muitas opções on-line acessíveis e de serviço completo para vários aspectos do gerenciamento de benefícios e RH. Faz sentido aproveitar esses sistemas especializados para reduzir custos e dar mais retorno aos seus funcionários. - Laura Spawn, Virtual Vocations, Inc.

3. Fornecer informações sobre talentos ocultos

Os grandes problemas que as organizações enfrentam é que há talentos ocultos “nos bolsos” da organização, mas os líderes sentem persistentemente que precisam contratar talentos externos. O big data pode ajudar a analisar o feedback, as revisões do projeto e os dados gerais do perfil de talentos para criar perfis de habilidades dos funcionários dentro da organização em tempo quase real, o que pode ser usado como uma ferramenta para o planejamento da força de trabalho. - Srikant Chellappa, Engagedly

4. Desbloquear ideias poderosas

Dados são conhecimento e conhecimento é poder. Para definir sua jornada, você deve entender quem você é como empresa. A análise da força de trabalho pode desbloquear insights poderosos que afetam seus resultados: a experiência do candidato, o envolvimento dos funcionários, a satisfação do cliente e muito mais. Os dados ajudam a identificar áreas de oportunidade, moldam a cultura da empresa e revelam como você pode causar um impacto positivo globalmente. - Chatelle Lynch, McAfee

5. Prever as necessidades de contratação

Quando aplicados ao recrutamento, os empregadores podem utilizar big data para prever melhor as necessidades de contratação, melhorando sua qualidade de contratação e retenção de funcionários. Ao extrair dados dos funcionários e identificar padrões relacionados a habilidades, classificações de desempenho, posse, educação, funções anteriores, etc., as empresas podem reduzir seu tempo de preenchimento, melhorar o envolvimento e a produtividade dos funcionários e minimizar a rotatividade. - John Feldmann, Insperity

6. Melhorar a retenção

O único benefício de adotar a tendência de big data no RH é focar na saúde da organização. A cultura da empresa influencia a sobrevivência de longo prazo de uma organização com a escassez de talentos de hoje e as expectativas dos funcionários dos empregadores. As organizações devem trazer o mesmo nível de rigor com dados e análise para as decisões das pessoas e nas decisões de negócios. - Sherry Martin

7. Habilitar a tomada de decisão sem viés

O setor de seguros é conhecido por seu domínio de dados e valoriza muito os dados de RH para sustentar uma boa tomada de decisão. Dados eficazes suportam produtividade, estrutura organizacional e inovação. Painéis significativos rastreiam dados demográficos, meio ambiente, saúde e segurança, recompensas totais, capacidade, treinamento, mobilidade e desenvolvimento, bem como engajamento, retenção, indicadores chave de desempenho e muito mais. - MJ Vigil, PEMCO Insurance

8. Automatizar seus processos

Há um medo de que o uso da análise retire o fator "humano" dos recursos humanos, mas a adoção de big data permite que você use ferramentas e automatize processos que reduzem os erros humanos. Quando você automatiza tarefas e processos, sua equipe de recursos humanos fica mais disponível para o planejamento estratégico, conectando-se aos funcionários e implementando iniciativas que tornam a empresa melhor. - Cameron Bishop, SkillPath

9. Aproveitar experiências compartilhadas

Com a taxa de desemprego baixa, a liderança de RH não tem muita margem de manobra para "acertar". A compreensão das tendências mais amplas de RH em várias organizações e a possibilidade de aproveitar experiências compartilhadas permitem que os empregadores tomem melhores decisões. Isso tem levado muitas novas análises de big data e soluções baseadas em IA ao mercado. - Rachel Lyubovitzky, EverythingBenefits

https://www.forbes.com/sites/forbeshumanresourcescouncil/2020/01/02/nine-benefits-of-embracing-big-data-in-human-resources/#48dcbfd16582

Topics: Atração, Indicadores, Recursos Humanos, Recrutamento e seleção, Gestão de pessoas

Nova call to action

Conteúdo exclusivo sobre RH! Inscreva-se:

Últimos Posts