Agende uma Demo >

O Maior Hub de RH do Brasil | Taqe

Nova call to action

Cultura organizacional: o que é, tipos, importância e exemplos

Marcelo Marcondes - Atração de Candidatos

A cultura organizacional é atualmente um dos temas mais discutido tanto na Psicologia Organizacional quanto no mercado de Trabalho.

Em âmbito geral, ela pode ser compreendida como sendo um conjunto de valores e pressupostos básicos, desenvolvidos coletivamente, que orientam o comportamento do grupo organizacional. A cultura organizacional direciona a forma de perceber, pensar e sentir a realidade dentro da organização, da mesma forma que serve como um modelo para lidar com os problemas de adaptação e interação.

Pensando nisso, a equipe de especialistas em Gestão de Recrutamento e Seleção da Taqe desenvolveu esse conteúdo com tudo o que você precisa saber sobre cultura organizacional.

Vem com a gente!

O que você irá conhecer hoje:

  1. O que é cultura organizacional?

  2. Quais os principais elementos de uma cultura organizacional?

  3. Como formar a cultura organizacional em uma empresa?

  4. Qual a importância de uma cultura organizacional?

  5. As diferenças entre a cultura e clima organizacional 

  6. Tipos de cultura organizacional 

  7. Diferenças entre culturas conservadoras x culturas adaptativas

  8. Qual o papel dos funcionários na cultura organizacional?

  9. Exemplos de cultura organizacional 

O que é cultura organizacional?

Basicamente é uma forma institucional de pensar e agir, ligada totalmente a cultura, onde o agir, pensar e acreditar está fortemente ligado a ensinamentos passados de geração para geração, que seguem como uma cartilha de costumes dentro de uma organização que possua uma cultura organizacional. 

De modo geral, não sabemos onde de fato nasce esses aspectos de cultura dentro da organização, mas avaliamos todo o reflexo que dá vida a esse jeito de conduzir da empresa com seus parceiros e clientes.

Quais os principais elementos de uma cultura organizacional?

A Cultura Empresarial, um dos sinônimos do tema deste artigo, possui diversos elementos, que variam de acordo com a instituição. Dessa forma, vamos conferir alguns:

Grau de Inovação

Aqui demonstra que grau a empresa está direcionada nas questões de inovação, significando para mais ou para menos. 

Normas

É as regras! Segui-las faz parte de todo o conceito da cultura organizacional. Pois essa medida define o que é aceito ou não. E o que não é bem aceito, acaba virando punição, como chegar atrasado ou não usar corretamente o uniforme.    

Valores

A empresa precisa determinar os valores da instituição. Explicar as formas como os colaboradores irão se comportar com o cliente, por exemplo. Mostrar o caminho e obstáculos que a organização precisa chegar e como chegará. 

Heróis

Aqui é a hora de evidenciar aqueles colaboradores icônicos, com muito tempo de casa ou com verdadeiras histórias de superação. Tratar esses personagens como verdadeiros representantes da imagem da ideia que será transmitida, é um passo ideal como elemento vital da cultura que a empresa apresentará. 

Comunicação 

Tudo na vida basicamente necessita de comunicação, ainda mais no trabalho. A comunicação definirá dentro de uma cultura a forma como se comunica. Isso, tanto internamente, quanto com os clientes. Exemplo: Que plataforma é utilizada para organização de trabalhos? Que tipo de escrita no e-mail é adotada? Como atendemos uma chamada telefônica?

Mitos

Histórias que não são 100% verdadeiras, mas que possuem uma verdade moldada conforme o tempo passa e fortalecem as questões abordadas aqui.

Como formar a cultura organizacional em uma empresa?

Bom, antes de tudo, é bom entender que isso não ocorrerá da noite para o dia. Como citado, a cultura é passada de geração a geração, então será necessário paciência. 

Comece criando um significado. Para isso, faça algumas perguntas: “Como quero que minha empresa seja vista internamente e externamente?” e “Que visão eu quero que meus clientes tenham da minha empresa?”. Respondendo essas questões, você terá um norte para prosseguir. 

Agora, faça uma base sólida. A missão aqui é construir valores e características que você acredita que correspondem com a sua empresa. Busque levar essas informações e dar fácil acesso para que todos vejam. 

É importante não abranger todos os funcionários de início. As coisas precisam fluir naturalmente, aos poucos, onde os colaboradores irão adotar os caminhos e moldar toda a ideia, deixando-a mais solida com o passar do tempo. 

Rotinas, o próximo passo pode gerar estranheza para algumas pessoas. Mas certas ações, que virem rotina, tendem a fortalecer ainda mais a sua base e ideias. 

O último passo é passar a voltar suas contratações de acordo com todos os passos já estabelecidos, focando em novos colaboradores que entendam o significado e se adaptem a sua cultura organizacional.

Qual a importância de uma cultura organizacional? 

O objetivo pode girar entre o aumento do engajamento dos seus funcionários, fortalecimento da marca e até da diminuição de turnover, já que os funcionários tendem a se sentirem parte ou mais à vontade em seu ambiente de trabalho.

As diferenças entre a cultura e clima organizacional 

Entendemos que a cultura organizacional é uma forma institucional de pensar e agir, que cria raízes e questões seguidas dentro de uma empresa. Já o clima, determina o nível de satisfação de todos os colaboradores, em situações relacionadas entre a relação do colaborador com a gestão, com o ambiente de trabalho e condições.

Tipos de cultura organizacional 

Além de elementos, que foram citados (leia: quais os principais elementos de uma cultura organizacional?) há também tipos de cultura organizacional. Conheça quatro delas:

Cultura de tarefas

Essa visa a solução de problemas e por decorrência, dá mais liberdade a criatividade. Os funcionários exercem o trabalho de acordo com o ritmo de acontecimentos na instituição. Geralmente, os colaboradores aqui estão mais motivados.

Cultura de pessoas

Como o nome já diz, o foco é pessoas: planos de carreira, valorização dos colaboradores, crescimento profissional e união. Os gestores possuem característica de “deixar legado”, de ensinar e dar continuidade ao que está sendo feito.

Cultura de papéis

Objetivo é diminuir erros e aumentar desempenho. Por isso, essa cultura tende a ser mais engessada e lenta, não dando muito espaço para novas ideias e pouca importância para o crescimento da hierarquia organizacional.

Cultura de poder

Focado em um centro de poder, onde basicamente um diretor ou gerente apresenta a liderança. A tendência nessa cultura é da competitividade, gerando diversos possíveis atritos entre os colaboradores.

Diferenças entre culturas conservadoras x culturas adaptativas

Os próprios nomes já descrevem bem essa questão. A conservadora, visa o conservadorismo, igual uma igreja por exemplo, que segue culturas antigas, mantendo hábitos mais específicos. Por isso, é considerado uma cultura mais forte, sendo partilhada pelas pessoas que fazem parte dela.

Já as adaptativas, buscam a inovação, igual uma empresa de tecnologia. Dessa forma, possui uma cultura mais fraca, com menos raízes e mais fácil de serem mudadas.

Qual o papel dos funcionários na cultura organizacional? 

É uma das chaves de todo esse processo. O funcionário é o primeiro a ser impactado com essa cultura, pois ele é quem veste a camisa da empresa. Ao entender como funciona uma cultura organizacional em seu ambiente de trabalho, poderá, de forma fácil e natural transmiti-la ao cliente e ao parceiro, além de novos funcionários. Por isso, é vital o alinhamento, nada ficará apenas sobre de fato a definição da empresa, pois há o impacto e aceitação vinda do quadro de colaboradores.

Exemplos de cultura organizacional 

Agora que você já entendeu o que é cultura organizacional e todos os demais temas, que tal conhecer os principais exemplos desse assunto?

Google

Pensou em como é o ambiente de trabalho na Google, provavelmente você deve ter alinhado sua mente com: descontração, criatividade e benefícios. É isso mesmo! A Google é um grande exemplo desse tipo de foco, sendo referência para as demais empresas.

Apple

A criadora do Iphone possui a visão de inovação e novos desafios. Sempre se reinventando, a Apple busca a autonomia de seus desenvolvedores, para alcançar os objetivos como um todo.

Netflix

Por aqui, o foco é nos colaboradores, que podem realizar suas tarefas da maneira que acharem correta. Claro, respeitando as metas e resultados esperados pela Netflix. A plataforma busca a liberdade com responsabilidade e o não controle excessivo.

Coca-Cola

A líder de seu segmento, busca, em sua própria palavra: inovação, liderança, responsabilidade, integridade e diversidade, essa última, sendo bem relacionada à marca.

Facebook

Ousadia, coragem e inovação, essas são as palavras que definem a cultura do Facebook. A ideia, é ter é buscar colaboradores que possam trazer novas ideias e perspectivas.


Descubra como contratar candidatos mais alinhados à cultura da sua empresa. Conheça o maior software de recrutamento e seleção da Taqe.

Topics: Recursos Humanos

Nova call to action