Agende uma Demo >

O Maior Hub de RH do Brasil | Taqe

Nova call to action

Como fazer contratação para supermercados durante a pandemia

Ana Maria Correa

O setor de supermercados enfrenta dificuldades para ter uma contratação assertiva. Além de ser um segmento com um índice alto de turnover, também necessita de um quadro de funcionários em constante funcionamento, sobretudo com a pandemia atual, para não descobrir a oferta de um serviço essencial para a população.

Por isso, é essencial contar com um processo seletivo que funcione, reduzindo ao máximo as chances de erros na seleção dos candidatos. Mas como fazer um recrutamento eficiente? 

É sobre isso que trataremos neste artigo. Acompanhe!

Qual a demanda atual de vagas em supermercados?

Diante da crise da pandemia, estamos num momento delicado para a nossa economia. O isolamento social levou muitos comércios a fecharem as portas. De acordo com a Revista Checkout RH, a estimativa é que 1,5 milhão de brasileiros foram demitidos entre março e abril de 2021. Afinal, as vendas vêm despencando desde abril de 2020.

No entanto, essa crise mostrou uma mudança no comportamento do consumidor. As pessoas passaram a priorizar mais as compras essenciais em detrimento de outras. Isso significa que os supermercados e hipermercados se tornaram a principal fonte de compra do cliente. 

De acordo com dados do IBGE, divulgados pela mesma revista, houve um aumento de 14,6% no volume de vendas no setor supermercadista. Isto é, a prioridade do consumidor com a alimentação e a necessidade de fazer compras maiores, evitando sair mais vezes de casa ou até se deslocar para outros comércios, também trouxeram um aumento da capacidade produtiva.

Qual o maior desafio em contratar durante a pandemia?

Como vimos, a atual situação exigiu que a rede de supermercados se adaptasse, atendendo a demanda produtiva. Porém, junto dessa necessidade também foram identificados problemas que dificultam essa contratação. Entenda a seguir.

Incerteza sobre o futuro

Considerando que a crise econômica atual ainda é algo incerto e duvidoso, pois não temos uma expectativa exata de quando toda a população será vacinada, e até mesmo se tudo voltará ao normal, esse cenário traz dúvidas sobre qualquer tomada de decisão sobre os negócios. 

Afinal, apesar de a pandemia ter dado indícios de achatamento da curva de contágio no final de 2020, isso não impediu que ela voltasse com tudo em 2021 devido ao surgimento de uma nova variante do vírus. Portanto, pode ser que haja uma necessidade emergente de aumentar o quadro de funcionários ou realocar os trabalhadores para atender uma demanda específica, exigindo novos investimentos em treinamentos. 

Alto volume de vagas

Com várias cidades entrando e saindo do risco alto de contágio, em constante instabilidade, os comércios menores ficam impedidos de funcionar. Isso traz uma sobrecarga nos supermercados, que precisam atender o aumento súbito da demanda. No entanto, lidar com alto volume de vagas durante a pandemia é bastante desafiador.

Segundo o jornal Folha Dirigida, muitos supermercadistas têm optado pela contratação temporária, inclusive para suprir a demanda de mercado durante a pandemia. Em 2020, 90% decidiram aumentar o quadro de funcionários ou mantê-los. Esses dados comprovam que o setor supermercadista tem enfrentado um grande problema para ter funcionários qualificados num curto espaço de tempo.

Distanciamento social

Considerando a necessidade de manter o distanciamento social, esse é outro desafio para a aplicação de processos seletivos, principalmente nos supermercados. Acontece que muitos desses processos foram planejados considerando a aplicação de testes e dinâmicas de grupo feitas presencialmente. Precisamos lembrar que o trabalho é presencial, portanto, existe a necessidade de verificar a compatibilidade de competências práticas e comportamentais.

Com isso, a necessidade de suprir a demanda de mercado, sem ter condições de fazer um processo seletivo eficiente, pode resultar em sérias consequências. A contratação de profissionais desqualificados para o setor tende a aumentar o turnover, onerando o caixa da empresa e atrasando ainda mais a questão de suprir o setor operacional. 

Agilidade e assertividade

Por um lado, vemos uma necessidade emergente para manter a produtividade dos setores. Por outro, são vários desafios para que isso aconteça, como acelerar o processo de compras e de logística, administrar a reposição de produtos, garantir a segurança do local para evitar a contaminação e contar com profissionais qualificados.

Por isso, a metodologia, técnicas e ferramentas utilizadas podem fazer toda a diferença na contratação para supermercados. É o momento de rever como as empresas têm feito recrutamento e seleção para se adaptar no atual contexto, permitindo ter agilidade na escolha dos candidatos, mas também maiores chances de acertos. 

Como contratar para supermercados no meio da pandemia?

Diante dos desafios atuais, fica evidente a necessidade de adotar práticas mais eficientes para a contratação de supermercados. Pensando nisso, reunimos aquelas que mais indicamos. Veja a seguir!

Criar um bom perfil do candidato

Traçar o perfil do candidato ideal é uma ótima maneira de atrair as pessoas certas para a vaga. Com base nele, você consegue ter mais clareza das etapas do processo e dos canais de aquisição, valorizando as competências e os atributos importantes para esse momento. É preciso considerar traços de personalidade, competências e atributos pessoais.

Geralmente, as empresas criam um perfil do candidato com base na requisição de vaga. Porém, nós indicamos que ele seja criado com base no perfil do colaborador ideal, aquele considerado top performance. Isso ajuda a perceber características importantes e desconsiderar exigências que não agregam à equipe.

Oferecer remuneração atrativa

A remuneração oferecida é um fator que os candidatos consideram muito importante. Mesmo se a empresa for um bom local para se trabalhar ou oferecer chances de crescimento, dentre outras questões atrativas, por exemplo, a remuneração tende a pesar mais para a maior parte dos candidatos. 

Por isso, procure estudar a média do mercado de trabalho para saber qual o valor ideal de salário. Além disso, pesquise em outras empresas supermercadistas quais benefícios elas estão oferecendo, além dos obrigatórios. Isso ajuda a atrair mais candidatos qualificados para o cargo, reduzindo gastos com período de adequação.

Repensar novas opções de contrato

A pandemia tem ampliado o horizonte das empresas no que tange ao tipo de contrato de trabalho. Antigamente, o mais comum era contratar por prazo indeterminado. Hoje, outros modelos de contrato já estão sendo repensados, principalmente para ajudar a lidar com o aumento súbito da demanda durante a pandemia. 

Nesse sentido, o contrato de trabalho temporário é uma opção para suprir uma demanda urgente ou substituir funcionários que precisaram se ausentar devido à pandemia. Além dele, o contrato de trabalho intermitente também tem sido priorizado para contar com profissionais em demandas esporádicas. Existem outros, mas esses, em específico, são mais utilizados pelos supermercados.

Considerar a experiência profissional

Considerando que existe pouco tempo para treinamento, e menos ainda para reabertura de vagas, vale a pena considerar a experiência profissional que o candidato tem no setor de supermercados. A competência técnica adquirida por experiência prática tende a diminuir o tempo de adaptação do novo funcionário no setor, uma vez que ele já está habituado com os desafios do cargo.

Os testes de conhecimentos específicos são uma ótima alternativa para avaliar esse tipo de competência. Por meio de questionários com perguntas abertas, fechadas e situações do ambiente de trabalho, fica mais fácil mensurar qual o nível de conhecimento do candidato com o trabalho que ele irá desempenhar, aumentando a assertividade de contratação para o setor de supermercados.

Aproveitar o banco de talentos existente

O banco de talentos é o local onde são armazenadas informações sobre candidatos de outros processos seletivos. Pode ser um arquivo de currículos, por exemplo, ou um banco de dados de participantes que chegaram até a entrevista, mas que não foram contratados por outros motivos. É uma ferramenta valiosa que pode socorrer muitos profissionais de RH que têm urgência na contratação para o supermercado.

Se você cultiva um banco de talentos qualificados, isto é, com candidatos pré-selecionados, você consegue pular a etapa de divulgação em momentos que precisa preencher o cargo com certa urgência. Basta encaminhar a vaga aberta para esses candidatos, ganhando tempo e agilidade no processo seletivo.

Fazer recrutamento online

O recrutamento online acontece quando a etapa de triagem é feita totalmente pela internet. Assim, você utiliza uma plataforma onde as pessoas preenchem o currículo e podem, inclusive, realizar outros testes considerados eliminatórios. Assim, por meio do uso de filtros, apenas os melhores candidatos são classificados para a próxima etapa.

As principais vantagens desse tipo de recrutamento são: agilidade, potencial de alcance e construção de um banco de talentos bem mais fácil de ser acessado posteriormente. Uma ótima maneira de contratação para supermercados em meio à pandemia. No entanto, é preciso tomar cuidado com o excesso de burocracia para não comprometer a experiência do candidato.

Usar um software completo

O que você faria se pudesse contar com um software capaz disponibilizar os candidatos compatíveis com a vaga disponível? Ou seja, aqueles que possuem as competências técnico-comportamentais e se encaixam com a cultura da empresa? E tudo isso sem comprometer a segurança dos candidatos e da equipe de RH durante a pandemia?

Provavelmente, você teria mais tempo para cuidar de outras coisas estratégicas no seu setor, já que conseguiria terceirizar o operacional de R&S, reduzir o turnover e aumentar o ROI do processo seletivo. Pois temos uma ótima notícia: com o Taqe, isso é possível.

Nosso software de recrutamento é completo e permite avaliar os candidatos em diversas características compatíveis com a empresa, como traços de personalidade, fit cultural, conhecimentos gerais, específicos e até por geolocalização, uma função essencial para contratação de funcionários para supermercados.

Em média, a cada 10 candidatos sugeridos por nosso software, 8 são contratados. Isso representa uma redução de 80% no tempo de triagem.

Quer fazer um teste? Experimente o Taqe, nossa plataforma de contratação massiva e online para cargos operacionais!

Topics: Recrutamento e seleção, Processo Seletivo

Nova call to action